quarta-feira, 15 de junho de 2011

Inicio que não tem Fim

 
 
 
 
 
Ao iniciar a travessia das almas, voltando do infinito mundo do fogo, 
encontro uma criação divina, com seu rosto inocente, traços familiares 
de outra vida. Com seus olhos castanhos e seu cabelo liso fazem da 
sedução uma diversão, o momento mais propicio, as palavras certas, o 
pedido confirmado.
 
Ao passar dos tempos, o aumento inevitável da sensualidade, calor de 
dois corpos transgredindo as leis de outros olhares, o mundo sendo 
conhecido a partir da película filmada por nossos olhos, meses de estudo 
comportamental, meses de paixão árdua, meses de amor eterno.
 
Ao vermos os dias vividos sentimos os dias passados, ao vermos os dias 
que viram sentimos a vontade de seguir juntos, união de dois elementos, 
química exata de dois seres, duas almas, dias passam como o vento em 
nossas cabeças, fortalecendo o já existente, criando o criado, inovando 
a vida. Sentir contigo, ser contigo, sermos um, dois em um.
 
 
Amooo-te Minha Musaaa

Marielle

Um comentário:

Marielle Sant'Ana disse...

Amor, ficou belíssimo o texto! Agradeço-lhe por nossas vidas estarem interligadas! O início da minha vida inicia na sua e a sua na minha infinitamente! Te amo, meu lindo! Beijos!